Deputado apresenta melhora significativa e será extubado nas próximas 24h

José Almi está internado na UTI do Hospital da Cassems desde a última sexta-feira por complicações da covid

| GABRIELA COUTO / CAMPO GRANDE NEWS


Deputado estadual, José Almi (PT), pode acordar nas próximas 24h sem ajuda da ventilação mecânica (Foto Assembleia Legislativa)
publicidade

O deputado estadual José Almi (PT) apresentou melhora no quadro geral de saúde nas últimas 24h conforme novo boletim divulgado na tarde desta terça-feira (11) pelo Hospital da Cassems. O parlamentar segue intubado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da covid-19, com possibilidade de ser extubado nas próximas horas.

Conforme o boletim, Almi teve a sedação diminuída, não precisou ficar pronado e está com a saturação do oxigênio a 93%. Ele não apresentou febre, nem disfunção renal. O documento ainda registrou uma melhora no quadro da infecção.

Por ter diabetes, o petista precisou de insulina após apresentar glicose do sangue alta. Os médicos estão programando suspender a sedação, avaliar a oxigenação e retirar de forma gradual o aparelho de ventilação mecânica.

José Almi teve a confirmação do coronavírus na última terça-feira (04). Ele fez acompanhamento médico em casa até apresentar piora no quadro da infecção e precisar ser intubado na sexta-feira (08) passada com 70% dos pulmões comprometidos. Com 58 anos, ele ainda não tinha recebido a vacina contra a covid-19.

Além dele, o filho Flávio Moura e a esposa Irene de Oliveira Moura também estão internados na Cassems para receber suporte de oxigênio, mas seguem sem necessidade de intubação. Desde o início da pandemia, o parlamentar estava trabalhando em home office e era um dos que mais temia contrair a doença na Casa de Leis.



Compartilhe Esta Notícia Com Os Seus Amigos!

Envie sugestões de notícias para o WhatsApp do portal Itaporã news (67) 996418820

Curta nossa Fan Page e fique por dentro de tudo que acontece em Itaporã, Região, Brasil e Mundo!

Clique aqui e receba notícias do Itaporã News no seu WhatsApp!

Siga o Itaporã News no Youtube!

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE